Home Notícias Gravação na nuvem para CFTV

Gravação na nuvem para CFTV

0
1

A Porto Seguro Proteção e Monitoramento anunciou o serviço de Gravação na Nuvem para a solução de circuito fechado de TV (CFTV). O lançamento insere a oferta da empresa no conceito Internet das coisas, que conecta os mais variados objetos à Internet, realizando uma verdadeira fusão dos mundos virtual e real.

Por meio de smartphone, tablet e outros dispositivos móveis, o usuário consegue monitorar remotamente, de qualquer parte do mundo e em tempo real, o imóvel residencial ou comercial, ambiente interno ou externo. O armazenamento das imagens geradas pelas câmeras de segurança é realizado em servidores remotos, estruturados para disponibilizar imagens via Internet.“A vulnerabilidade do sistema CFTV ficava exposta exatamente no local protegido. Caso o equipamento de gravação fosse danificado ou mesmo roubado, perdendo também a efetividade da solução, e as provas do crime. Com a gravação na Nuvem, o cliente tem a garantia de que as imagens não poderão ser roubadas ou destruídas, e se a câmera for removida, haverá imagens até o momento de sua desconexão”, informa Fabio Braga, Superintendente da Porto Seguro Proteção e Monitoramento.

Áudio e vídeo podem ser acessados via browser, utilizando senhas personalizadas e criptografadas. O sistema permite utilizar câmeras IP ou analógicas, com decodificador de vídeo. As imagens são capturadas, digitalizadas, compactadas e transmitidas via web para a nuvem da Central de Monitoramento da Porto. O sistema em nuvens garante maior agilidade na busca pelas imagens gravadas, comparado ao sistema analógico.

“O diferencial da Porto Seguro é disponibilizar ao usuário uma infraestrutura de TI robusta, com Data Center constituído por um conjunto de servidores de alta capacidade e armazenagem, escalabilidade e integração de sistemas e modelos de câmeras IP. O acesso às imagens via Web Browser dispensa a necessidade de instalação de software, e reduz custos com hardwares e manutenção no ambiente do usuário. Toda atualização do sistema de gravação é realizada via suporte interno da Porto Seguro, sem a necessidade de instalação de novos aplicativos ou Plug-ins por parte do usuário final”, explica o executivo.

Comentário(1)

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *