Nova franquia em Curitiba

0

Receba atualizações em tempo real direto no seu dispositivo, inscreva-se agora.

ViewImage.aspxNo final de janeiro, Curitiba contará com uma nova franquia de segurança patrimonial: uma unidade da White Proteção e Segurança (www.whitebr.com). Com quase 30 anos de experiência, a empresa aproveitou o momento de expansão do setor mesmo durante a crise e entrou para o franchising em 2015, com soluções que apostam em tecnologia para oferecer mais eficiência e economia às portarias.

Na capital paranaense, o franqueado Guilherme Camargo aproveitou a estrutura de sua antiga empresa de segurança para começar a operação. A unidade oferecerá, em um primeiro momento, produtos residenciais. O principal deles é o Portaria Virtual Segura, um sistema com controle de entrada por câmeras e identificação biométrica que dispensa porteiros e resulta numa redução de até 50% nas taxas condominiais.

Com a solução, apenas moradores e funcionários cadastrados entram nos edifícios ou condomínios de casas. Quando algum visitante toca o interfone, é feita uma chamada direto para a residência, que conta com um monitor para identificação visual – além disso, uma central remota acompanha tudo que acontece 24 horas por dia. Há, ainda, uma funcionalidade extra para momentos de perigo: o morador pode acionar o “pânico” com um dedo previamente cadastrado para esse fim no leitor biométrico. Com isso, um alarme silencioso é disparado e a polícia, acionada.

“Essa ferramenta é essencial, já que 90% das ocorrências são no momento da chegada ou saída de casa”, conta Delson Ferreira, sócio-diretor da White. Ele explica que o modelo é ideal para condomínios de até 50 unidades. “Acreditamos que, nos próximos anos, 80% dos condomínios deste porte migrarão para o modelo”, afirma Ferreira. Em Curitiba, a expectativa é que a franquia instale 15 sistemas de portaria virtual ainda em 2016.

Expansão

A unidade da capital paranaense é a segunda franqueada pela White Proteção e Segurança. A primeira, em operação desde o ano passado, fica em Campos dos Goytacazes, no Rio de Janeiro, e oferece o portfólio completo de serviços da empresa, que inclui soluções específicas para companhias de portes e necessidades variados.

“É uma franquia versátil, que se adequa a qualquer cidade com mais de 150 mil habitantes e dispensa experiência prévia na área de segurança”, explica o sócio-diretor. Para abrir uma unidade da White, o investimento inicial varia entre R$ 150 mil e R$ 250 mil, e o payback ocorre em até 14 meses, com faturamento mensal previsto em R$ 200 mil. A meta da empresa é estar presente em 20 cidades até o final do ano.

Deixe uma Resposta