Empresa oferece treinamento em Quality Assurance para suprir déficit de profissionais no mercado

Receba atualizações em tempo real direto no seu dispositivo, inscreva-se agora.

O déficit de profissionais no setor de tecnologia da informação (TI) no Brasil já é bastante conhecido. Números do mercado, porém, ajudam a dimensionar o fenômeno. De acordo com os dados, a carência de trabalhadores deve atingir 400 mil até 2022.

Hoje, segundo a Associação das Empresas de Tecnologia da Informação e Comunicação (Brasscom), o país forma cerca de 45 mil especialistas em tecnologia por ano. No entanto, ao longo do mesmo período, 70 mil novas vagas são abertas. Ainda segundo a entidade, nos três primeiros meses de 2021, foram contratados 41 mil profissionais de TI no país, um número surpreendente quando se considera que, em todo o ano de 2020, foram 47 mil.

Para ajudar a preencher o déficit dentro de suas próprias operações, muitas empresas passaram a oferecer programas de treinamento para profissionais que queiram ingressar na área de TI. É o caso do Grupo FCamara, consultoria de soluções tecnológicas e transformação digital, que lançou o projeto Migração de Carreira.

A iniciativa vai preparar pessoas que desejam mudar de área e atuar como Quality Assurance,  ou analista de testes – profissional responsável por garantir a qualidade do serviço e do produto entregue aos clientes, evitando problemas e erros de execução. Além da preparação técnica, os participantes poderão concorrer a vagas de trabalho no grupo.

O projeto é realizado em parceria com o QA Conie Menezes, que atuou por sete anos como designer de interiores, até passar pela transição de carreira para a área de Tecnologia. “Enxerguei a oportunidade de me realizar se arriscasse uma nova área. Levando em conta a minha experiência, preparamos o Migração e Carreira, para possibilitar que outros com o mesmo desejo estudem e se profissionalizem”, afirma.

O conteúdo didático disponibilizado pelo programa é gratuito. “O objetivo é ajudar a suprir a falta de profissionais no mercado e investir na carreira dessas pessoas que se esforçam e querem mudar de profissão. Acredito que estamos fazendo a diferença tanto na vida das pessoas quanto na conjuntura do mercado, investindo em aprendizado e acreditando na capacidade de evolução de cada um”, afirma Fabio Camara, CEO do grupo.

Para participar do projeto Migração de Carreira, os interessados podem se inscrever por meio do link: https://digital.fcamara.com.br/migracaodecarreira

Comentários estão fechados.